12.11.09

Apagão X Racionamento

Fica parecendo que o debate é se o apagão do Lula é melhor do que o do Efeagacê. Não é, e não pode ser. Principalmente porque o que aconteceu anteontem nada tem a ver com o que aconteceu em 2001.

São dois absurdos diferentes.

Em 2001, ainda no governo Efeagacê, o país não estava gerando energia suficiente. Os níveis dos reservatórios de água das hidrelétricas estava muito baixo e todo mundo teve que economizar energia. Era banho cronometrado, poucas lâmpadas ligadas, passar roupa uma vez por semana.

O que aconteceu agora foi um blecaute. Ponto. Importante é saber porque ele aconteceu? Se pode se repetir? E tomar medidas para que não se repita.

A oposição pode tentar usar isso contra a Dilma, afinal, ela já foi ministra de Energia, mas não surtirá efeito. O racionamento que aconteceu no governo Efeagacê, também em ano pré-eleitoral, nada ou quase nada influiu no resultado da eleição. Imaginem um caso específico como este.

Se querem ter chance vitória ano a oposição tem que, primeiro escolher o governador Aécio Neves como candidato, o José Serra não tem chances. E segundo, encontrar ou assumir um discurso.

O que eles têm hoje é a defesa da ética, bandeira eleitoral inútil, e a redução do Estado para diminuição dos impostos. Isto dá pra ganhar eleição? Não. Vão assumir o discurso de continuidade do que está dando certo? Se for pra dar continuidade o eleitor vai preferir manter quem já está fazendo o que dá certo. Como se diria em 2006, não trocará o certo pelo duvidoso.

No meio desta sinuca de bico achar que este blecaute vai demonstrar incompetência e despreparo de Dilma é tolice.

Nenhum comentário: