13.12.10

Indefinição na eleição da Câmara (de Chapadinha)


"A vitória da candidata preferida do governo municipal, vereadora Márcia Gomes, que já estaria definida matemática e regimentalmente, está sob ameaça de novas articulações e mudanças de última hora.

No regimento interno da Casa, que estipulava um prazo mínimo de quinze dias para a inscrição de chapas, um novo entendimento abre a possibilidade do surgimento de outros postulantes até meia hora do início da Sessão Legislativa, marcada para hoje às 17 horas no Palácio Francisco Almeida Carneiro.

Com relação aos votos necessários para a eleição (que seriam de seis parlamentares) uma manobra com a participação da presidente Graça Nunes e de vereadores da oposição empataria a disputa e pelo critério de idade, Graça seria reeleita para mais um período.

Mas, são intensas as movimentações e tudo pode acontecer até a hora da votação." 



Meu comentário: A confirmação da manobra para eleger Graça Nunes para mais um período frente à Câmara de Chapadinha será o lançamento da candidatura de Magno Bacelar à prefeitura.

A prefeita já havia escolhido Márcia Gomes para o posto e a oposição, para alimentar o clima de racha no governo, deve apoiar Graça.

Nenhum comentário: