5.1.07

Aeroporto é 2 de Julho

2 de Julho é a data-máxima do calendário baiano. É o dia da independência da Bahia. Tanto que a data nomeava do aeroporto de Salvador até o deputado Luís Eduardo Magalhães (PFL-BA), filho do senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA), falecer e o deputado Aroldo Cedraz (PFL-BA) fazer um projeto mudando a alcunha para Aeroporto Luís Eduardo Magalhães.

Pronto, a guerra foi feita. Essa mudança nunca foi aceita por parte da sociedade baiana que vê na data 2 de Julho uma conquista cívica do povo baiano maior do que qualquer personalidade do estado.

Agora, com o carlismo derrotado e o petista Jacques Wagner no governo do estado muitos pressionam para que a mudança seja desfeita, mas aí gera outro problema. Os simpatizantes de Luís Eduardo, que não são poucos, podem ver um certo revanchismo petista nessa mudança.

Wagner, que era amigo pessoal de Luís Eduardo, votou a favor do projeto de mudança do nome do aeroporto e parecia não saber onde enfiar a cara quando ouviu na sua posse a militância petista gritar: Aeroporto... É 2 de Julho. E agora? Mudar ou não mudar? Eis a questão.

Nenhum comentário: