2.11.06

Senhoras e senhores, pasmem

A senadora derrotada na corrida pelo governo do Maranhão Roseana Sarney (sem partido-MA) desfiliou-se do PFL.

Mais esperada que a vitória de Lula a desfiliação gera especulações. A maioria dá como certa a entrada dela no PMDB. Eu tenho um pé atrás com essa hipótese. O PMDB é o partido de seu pai, José Sarney (PMDB-AP), porém isso não é um motivo a mais para seu ingresso na agremiação, pelo contrário. Sarney gosta de espalhar sua base. Ele é do PMDB, sua filha era do PFL, seu filho é do PV, Epitácio Cafeteira, senador eleito pelo Maranhão, é do PTB e assim por diante. Concentrar todo mundo num partido só lhe tira áreas de influência.

Estando em qualquer partido Roseana votará como seu papai achar melhor. Não estou chamando-a de "pau mandado", mas ela deixaria de apoiar o pai por estar neste ou naquele partido?

Por trás de tudo isso está a luta pela presidência do Senado. Espero o próximo episódio da novela.

Nenhum comentário: