16.11.06

Excesso de superficialidade

Nunca entendi a obsessão das pessoas pela beleza. A morte da modelo Ana Carolina Reston, de apenas 21 anos, delata essa busca inconseqüente por uma suposta estética perfeita. A modelo, que media 1,72m, morreu pesando menos de 40 Kg vítima de anorexia.

Eu, por exemplo, aprendi a me aceitar, não por me achar bonito, mas por ter a noção de que beleza não é fundamental. Num mundo superficial como o que vivemos as pessoas passam a ser aquilo que parecem ser, e não aquilo que realmente são.

No mundo da moda essa realidade é ainda pior. Muitas modelos contraem distúrbios como a anorexia e a bulimia pela pressão de estarem sempre magérrimas. Ficam bonitas? Não aos meus olhos. A beleza é sempre subjetiva.

Ainda este ano tivemos o caso de modelos que foram vetadas de um desfile em Madrid por estarem magras demais. Atitude louvável. Mesmo para quem dá tanta importância à beleza ela não pode estar à frente da saúde. Espero que casos como este que ocorreu na Espanha vire regra, e não exceção. Assim tragédias como a de Ana Carolina podem ser evitadas.

Nenhum comentário: