30.9.06

Eleição em estado de luto

A fatalidade que ocorreu com o boeing da GOL entristeceu todo o país e o presidente Lula declarou luto oficial por 3 dias. Espero sinceramente que hajam sobreviventes e que sejam resgatados com vida.
Este não foi um ano bom para a aviação brasileira. Um pedaço de avião caiu numa casa em São Paulo. A porta de um avião caiu sobre o telhado de um supermercado também em São Paulo. O candidato a governador Siqueira Campos (PSDB-TO), o governador José Reinaldo Tavares (PSB-MA), o presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL) junto ao senador e candidato a govenador Teotônio Vilela Filho (PSDB-AL) sofreram acidentes de helicóptero, todos sem vítimas fatais. Tivemos também a crise da VARIG e agora este que é o maior acidente aéreo da história do Brasil.
Contudo, andar de avião ainda é 600 vezes mais seguro do que andar de carro.
OBS: Até agora a oposição não tentou responsabilizar o presidente pelo acidente da GOL.


Acabada a campanha só nos resta a expectativa pelo recado que as urnas vão mandar.
Na eleição presidencial, por não ter ido ao debate da Globo, Lula pode não vencer no 1º turno. Não ouve o que eu digo, olha aí.
Nos estados alguns caciques passam dificuldade.
Nas brigas pelas vagas no senador;
O maranhense Sarney (PMDB-AP) sofreu pressão de uma quase desconhecida, Cristina Almeida (PSB-AP), na eleição para senador do Amapá, mas deve ser reeleito;
Eduardo Siqueira Campos (PSDB-TO), um dos bons nomes do seu partido, deverá perder sua cadeira no Senado segundo pesquisa IBOPE;
Collor (PRTB-AL) deve ser eleito por Alagoas (aff);
O grupo de ACM (PFL-BA) perderá uma das três vagas baianas no Senado com a eleição do grande João Durval (PDT-BA);
No Ceará a briga está quente entre Inácio Arruda (PCdoB) e Moroni Torgan (PFL-CE);
Pedro Simon (PMDB-RS) deve ser eleito para seu 4º mandato como senador. Concluindo-o chegará a marca de 32 anos como senador da república.
Eduardo Suplicy
(PT-SP) será eleito para seu 3 mandato consecutivo no senado;

Nas disputas pelos governos dos estados deverá ocorrer muitas reeleições e muitas decisões já em 1º turno:
O PT chegará ao 3º mandato seguido no governo do Acre;
Cid Gomes (PSB-CE) vencerá depois de uma bela virada sobre Lúcio Alcântara (PSDB-CE);
Aécio Neves (PSDB-MG) será reeleito governo e desde já é postulante a eleição presidencial de 2010.
A disputa em Pernambuco irá para segundo turno entre o governador Mendonça Filho (PFL-PE) e um candidato de esquerda, provavelmente Eduardo Campos (PSB-PE) já que Humberto Campos (PT-PE) sofreu acusações durante a campanha que o atrapalharam.
A governadora Wilma Faria (PSB-RN) parecia ter perdido a eleição, mas conseguiu uma bela reação e está empatada nas pesquisas com o representante a oligarquia dos Alves Garibaldi Filho (PMDB-RN).
Os três mosqueteiros sulistas do PMDB Germando Rigotto (PMDB-RS), Luiz Henrique (PMDB-SC) e Roberto Requião (PMDB-PR) deverão ser reeleitos, mas apenas o governador lincenciado de Santa Catarina pode vencer no 1º turno.
Serra (PSDB-SP) deve ser eleitor governador já amanhã.

Aqui no DF aposto com quem que quiser apostar e o que quiserem apostar que a eleição terá 2º turno. As pesquisas que mostram José "violador de painel" Arruda (PFL-DF) com 60% não têm cabimento e já é tradição no DF as pesquisas furarem. Arlete Sampaio (PT-DF) deverá ter por volta de 25% dos votos e com os voto da governadora Maria Abadia (PSDB-DF) deverá haver segundo turno. Se o segundo turno for, eventualmente, entre Arruda e Abadia declarado desde de já que meu voto será de Abadia. Na verdade, se o segundo turno fosse entre Arruda e o macaco Tião, o saudoso chimpanzé teria meu voto.

Nenhum comentário: